Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

7.4.06

Futuro oriental


(A Janela, Paula Rego, 1997)


"Segundo Mark Kennedy [Chief Strategy Officer da consultora de branding Landor Associates], as companhias que entraram com sucesso no mercado chinês com um produto internacional acabaram, quase todas, por localizá-lo, enquanto lançavam um segundo produto 'local'. O primeiro produto continua a ser o premium e concede o seu perfil à marca, mas tem pouco volume de vendas. É o segundo produto que, com custos de marketing mais baixos, consegue um maior volume no mercado.

(...) Aí [na China], não é possível cobrir a totalidade do mercado com uma única marca. Uma marca mainstream em Xangai, por exemplo, pode ser super premium numa cidade pequena. (...) Diferenças significativas como estas na diferenciação produto/marca entre países podem como é óbvio, causar estragos em estratégias de branding que tenham uma abordagem global."

"The Globalization of Trade", Randall Frost