Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

23.5.09

STOP: Reflexões ao acaso (2)

Creio que em 2006, frequentei um programa Master (mestrado, pós-graduação ou seja o que for) profissional na Universidade Católica onde obtive a minha experiência académica mais interessante com um simulador de gestão de uma fábrica de automóveis. Recordei hoje essa experiência ao tomar conhecimento das palavras do director-geral da Autoeuropa, Andreas Hinrichs, quando se referia aos custos de transporte de componentes, pois na maioria das vezes os camiões chegam cheios a Portugal e voltam vazios, pagando um frete quando só utilizam meio, sendo esse custo imputado no preço final dos veículos produzidos. Ou quando afirma que a opção pelos veículos desportivos, como os modelos Eos ou Scirocco, tem maiores custos em épocas de crise económica ao contrário da opção pelos modelos familiares como o Passat, Golf ou Polo. Ou quando defende a necessidade de ganhar a produção de um quarto modelo para conseguir aproveitar toda a capacidade instalada da fábrica e assim produzir anualmente os 180 mil veículos que a tornam rentável contra os 80 mil previstos para este ano.

Etiquetas: