Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

24.7.09

In absentia: A linha do horizonte (3)


Em substituição duma excelente série, Irmãos e Irmãs, às 22:40 horas das sextas da RTP 2, e depois de também uma anterior série excelente, Seis Graus ou, no original, Six Degrees, outra excelente série, Mad Men. Retrato da América dos anos 60, onde é comum fumar, nos espaços públicos e, sobretudo, no local de trabalho, abusar do álcool, ser racista, homofóbico, mas também misógino. Nesta agência de publicidade, a Madison Avenue de Manhattan, pede-se às colegas que se vistam de forma mais reveladora. O papel da mulher é o da secretária, telefonista ou dona-de-casa. Mas também surge a pedrada no charco com a filha do empresário que assume as rédeas do negócio. O personagem principal, Don Draper (Jon Hamm), é o director criativo, cuja criatividade não anda nos melhores dias, neste primeiro episódio da estreia, quando tem de apresentar uma nova campanha para a marca de tabaco Lucky Strike. Madison Avenue Manhatan é Mad Man.

Etiquetas: