Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

24.9.09

Momentum: "Carpe diem" (112)


Se James Dean ainda fosse vivo, estaria pela hora da morte. E porque o segredo é essa coisa que se conta a uma pessoa de cada vez e se isto alastra temos incesto pior que na Tragédia da Rua das Flores. Já amanhã, vamos ter reflexão eleitoral a sério com os The Cult e o Roberto Bolaño que já foi citado mais de 2666 vezes no etéreo espaço blogosférico. Isto só aconteceu, porque certamente era “senhora de raro aviso, muito apontada em amanho de casa e ignorante mais que o necessário para ter juízo. (...) De génio cainho e apertado.” (A Queda Dum Anjo, Camilo Castelo Branco). Já o Cê Erre Nove continua a fazer das dele, porque, por outro lado a Byblos não o fez. Dia após dia, vão-me roubando pedaços de infância. A mim e ao Sítio do Pica-Pau Amarelo. Mas, por onde anda K.? E essa dupla Stravogin e Verkhovenski?

Etiquetas: