Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

22.11.09

Momentum: "Carpe diem" (160)


De facto, é incompreensível a voragem das periódicas alterações gráficas das publicações nacionais, como, p.e., do Diário de Notícias, Público e Expresso, entre outros, por oposição do conservadorismo das publicações anglo-saxónicas como a Time, New York Times, Wall Street Journal, Foreign Affairs, The Economist e Newsweek. Será para compensar a falta de substância ou complementar o conteúdo semântico complementar ou redistributivo? (Diários gráficos e os USk portugueses Eduardo Salavisa, Pedro Cabral, João Catarino e José Louro no Câmara Clara com introdução de Eduardo Corte-Real. E por mero acaso.)

Etiquetas: