Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

7.12.09

Momentum: "Carpe diem" (170)


No Plano Inclinado, programa de Mário Crespo, esta semana sob o tema da educação e sem o prof. Medina Carreira, mas com os restantes habituais professores do ISEG Nuno Crato (co-autor com Carlos Pereira dos Santos e Luís Tirapicos, de A Espiral Dourada, Gradiva, 2006, pp. 157) e João Duque, que referiu o exemplo de um amigo administrador de uma empresa que um dia colocou um anúncio para um emprego de secretária, para o qual apareceram cerca de cem candidatas, que se queixaram todas da dificuldade da pergunta de matemática do teste de admissão que questionava quantos livros no total levava uma estante de cinco prateleiras onde em cada prateleira cabiam sete livros. João Duque realçou, e bem, que são estas lacunas que causam custos acrescidos às empresas, porque se se tratasse, p.e., duma empregada de supermercado que tivesse de repor o stock duma prateleira, como era incapaz de calcular o esforço ou analisar correctamente a questão, teria de dispender muito mais tempo na execução da tarefa com várias idas e desnecessárias voltas. Ou seja, para recordar, a produtividade não é a quantidade de passos que se dá, mas a distância que se percorre.

Etiquetas: