Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

30.11.10

Momentum: "Carpe diem" (407)


Nem Nicolas Sarkozy, nem Angela Merkel, nem David Cameron, nem Herman Van Rompuy. Extraordinária a declaração de Mourinho e Pepe Guardiola no final do jogo. Ambos desvalorizaram o resultado. Mourinho assumiu que mereceu ter a maior derrota da carreira, mas isso não o impede de conquistar o sucesso. Leia-se campeonato, Champions, Taça do Rei, etc. Guardiola que só daqui por muitos anos se vai falar das conquistas desta equipa do Barcelona e nunca apenas deste jogo. A racionalidade que falta aos actuais líderes europeus, sobra no desporto. Quando há mais racionalidade no desporto e mais emoção na política.

Etiquetas: