Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

24.1.11

Momentum: "Carpe diem" (437)


Não partilho da opinião dominante, ninguém pode negar que esta campanha presidencial não tivesse sido esclarecedora. Houve o candidato que afirmou que, se não ganhasse logo à primeira volta, as taxas de juro subiriam de certeza e o país ficaria de imediato sem crédito; houve o candidato que defendeu a sua eleição porque senão o Estado social e a própria democracia estaria em perigo; houve o candidato que se sentiu ameaçado e ameaçou com o que o povo faria se lhe dessem um tiro na cabeça (!). Foi tão fácil, não decidir.

Adenda:
Incritos 9 629 630; votantes 4 489 904 (46,63%); abstencionistas 5 139 726 (53,37%); brancos 191 159 (4,26%); nulos 86 543 (1,93%),

Etiquetas: