Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

8.2.11

Ipsis dixit: A subtileza do pensamento (46)


“ O estar sentado expressava um certo consentimento em relação à força que se distribuía pelo colectivo, mas o silêncio prolongado poderia ser visto como uma provocação; uma espécie de disponibilidade para a revolução, pequena é certo, circunscrita a uma sala e a meia dúzia de outros companheiros, mas revolução: hipótese de negar o sentido da História, mesmo que mínima e insignificante.”

Gonçalo M. Tavares, Jerusalém, Editorial Caminho, 9.ª edição, Dezembro 2010 (pp. 251)

Etiquetas: