Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

20.3.11

Ipsis dixit: Marcador de livros (11)


“Porque mesmo quando o livro foi efectivamente lido, e tão bem que ganha um lugar específico no nosso espírito, muitas vezes não sobra mais do que a memória da emoção vivida durante a sua leitura e nada de muito preciso quanto ao seu conteúdo.” (p.64)

Jacques Bonnet, Bibliotecas Cheias de Fantasmas, Quetzal, Outubro 2010

Etiquetas: