Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

25.10.11

Momentum: "Carpe diem" (599)


Será que o perdão parcial de sessenta por cento da dívida grega - ou, como agora se chama, haircut -, ainda que com o acordo dos Bancos privados, não beliscará a confiança dos mercados na restante dívida das economias periféricas da Zona Euro, evitando uma venda maciça por parte dos investidores institucionais e a propagação do temido efeito de contágio?

Etiquetas: