Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

4.11.11

Ipsis dixit: Marcador de livros (68)


"O que faz um homem é como se o fizessem todos os homens. (...) Por isso não é injusto que a crucificação de um único judeu baste para o salvar. Schopenhauer porventura tem razão: eu sou os outros, qualquer homem é todos os homens."
(p 111)

Jorge Luis Borges, "A Forma da Espada" (1942),
Artifícios (1944), Ficções, Teorema, Maio 2009 (pp. 171)

Etiquetas: