Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

12.2.12

Momentum: "Carpe diem" (661)


Observar o ministro das Finanças português agachado ao ministro das Finanças da poderosa Alemanha é uma imagem de submissão ou um acto condescendente para com um deficiente motor? A atitude e o que é dito por Wolfgang Schäuble é duma condição paternalista para connosco ou é uma arrogância de quem, em 12 de Outubro de 1990, sofreu uma tentativa de assassínio durante a campanha eleitoral, levou um tiro na coluna vertebral, sofreu uma paralisia parcial e desde então desloca-se em cadeira de rodas? Isto é discutir a Europa?

Etiquetas: