Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

5.10.12

Momentum: "Carpe diem" (780)


Este excelso Governo, além duma dívida colossal, herdou um povo piegas, preguiçoso, que viveu muitos anos acima das suas possibilidades, ignorante, que não percebe que não há oportunidades para todos e não há alternativas ao empobrecimento. Povo que teima em ficar e lutar, quando devia emigrar. Povo assustado com as perspectivas de futuro que o faz correr a poupar, quando isso retira dinheiro ao consumo tão importante para dinamizar o crescimento económico, apesar da necessidade de ajustamento. Povo que não consegue encontrar oportunidades no desemprego. Povo que não reconhece a nobreza e a pureza dos sacrifícios, o que provoca uma só solução: eleições antecipadas, para que este infalível Governo se livre deste medíocre e ingrato povo que nem na lapela usa a bandeira.

Etiquetas: