Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

11.11.12

Momentum: "Carpe diem" (803)


Agora que começa a ser mais consensual a ideia de que não é possível manter o actual nível de vida, e o respectivo Estado Social europeu, competindo economicamente com os mercados emergentes dos BRIC – Brasil, Rússia, Índia e China, não se deveria também começar, desde já, a questionar se não é possível conseguir uma fórmula onde o crescimento económico possa conviver com o bem-estar, a qualidade de vida e os direitos das populações à semelhança da Escandinávia? Simplificando: a democracia é competitiva?

Etiquetas: