Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

12.11.12

Momentum: "Carpe diem" (804)


Vivemos tempos extraordinários. Dificeis, extraordinariamente difíceis, mas extraordinários. Em nenhum dos compromissos da sua visita oficial a Portugal hoje a rigorosa Angela Merkel foi pontual, por outro lado, temos um primeiro-ministro que representa o que de mais genuíno há no português: a submissão do "yes man".

Etiquetas: