Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

25.12.12

Ipsis dixit: Marcador de livros (123)


(...) “As minhas necessidades eram simples. Não me preocupava muito com temas ou frases bem conseguidas, e saltava belas discrições do tempo, de paisagens e interiores. Queria personagens em que pudesse acreditar e queria sentir curiosidade acerca do que lhes iria acontecer.” (...) (p. 15)

Ian McEwan, Mel / Sweet Tooth (2012)

Etiquetas: