Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

20.4.14

Momentum: "Carpe diem" (1 047)


Parece ser consensual entre os comentadores desportivos que a saída de Matic favoreceu o modelo táctico do sempre inflexível Jorge Jesus, uma vez que se viu obrigado a optar por um médio defensivo de características mais posicionais como Fejsa. E à semelhança de Javi García, é com um "trinco" com estas características que liberta os laterais e permite aos médios-alas (Gaitán, Salvio e Markovic) fazer as diagonais interiores. Mas ter finalmente dois bons laterais (Sílvio e Siqueira) para complementar com Maxi Pereira, depois de dezenas de experiências falhadas, também deve ter ajudado muito. Lamentavelmente ambos estão emprestados. E o Manchester United procura muito por um Garay e um Enzo Pérez.

Etiquetas: