Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

28.1.15

Ipsis dixit: Marcador de livros (181)


"Certamente que aquela memória só tinha podido exercitar-se e formar-se daquele forma diabolicamente infalível graças ao eterno segredo de toda a perfeição que é a concentração." (p.50)

Stefan Zweig, Mendel dos Livros (1929)

Etiquetas: