Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

24.7.15

Momentum: "Carpe diem" (1 227)


É verdade, como abordou Pacheco Pereira, no último Quadratura do Círculo que surgiu no passado recente um conjunto de personalidades no governo dos Estados e, sobretudo, também das empresas que não hesitam, não têm dúvidas e são capazes de, com a mesma firmeza, defender uma coisa e o seu contrário com uma segurança e convicção extraordinária. Sabe bem, e começa a merecer maior credibilidade, ouvir alguém dizer que não sabe neste mundo que agora só admite o sucesso.

Etiquetas: