Quem Ousa, Vence!

"Como se se pudesse matar o tempo sem lesar a eternidade" Henry Thoreau (1817 - 1862) Ano XI

8.2.16

Momentum: "Carpe diem" (1 255)


Desde Maria Antonieta com o célebre "se não há pão, comam brioches!" que o falso moralismo se instalou, assumindo versões mais actuais com o "têm de sair da vossa área de conforto", ou o "desemprego é uma oportunidade" ou ainda o "não sejam piegas". Recentemente, surgiu uma forma adaptada com o "andem de transportes públicos, não fumem, nem bebam" com o propósito de escapar ao aumento dos impostos sobre os combustíveis, tabaco e bebidas alcoólicas e assim explicar a virtuosidade dessas decisões. No fundo tudo se resume a "pimenta no rabinho dos outros, é refresco para mim."

Etiquetas: